Hornussen (Golfe da fazenda) – onde o disco voa da rampa de lançamento para o campo do jogo.

À primeira vista, o golfe da fazenda parece ser uma mistura de golfe e beisebol – mas ele é muito mais do que isso: é uma modalidade esportiva tipicamente suíça com uma tradição que se originou no século XVI.

Compartilhe conteúdo

Obrigado pela classificação
Antigamente era costume lançar tacos de madeira em chamas da montanha para o vale para espantar os espíritos. Acredita-se que o golfe da fazenda tenha nascido desta tradição remota: um jogo de equipe, jogado por pessoas de todas as idades e sem estrutura de base social determinada.

Como se joga

Um time tenta arremessar o Nouss (um tipo de disco) o mais longe possível para dentro do campo adversário. Com painéis, o time defensor tenta parar o mais rápido possível o disco que chega voando. Na maioria das vezes o jogo é dividido em dois turnos, sendo que cada time arremessa uma vez e defende uma vez por turno. Cada um dos jogadores arremessa duas vezes por turno com três tentativas. O jogo não tem duração determinada. Normalmente, o jogo com dois turnos dura aprox. três a quatro horas. Ganha o time com o número mais baixo – ou seja, com o menor número de discos que chegaram ao campo do jogo sem serem apanhados. Além da avaliação do time, há no Campeonato Suíço e em eventos festivos uma avaliação individual dos arremessadores.

O Hornuss (disco sibilante)

Originariamente, o disco lançado no campo do jogo era feito de madeira ou de chifre. Há diversas explicações para o termo. Todos os significados se originam no som de zumbido do disco. A propósito, medições feitas pelo Instituto de Biomecânica da Escola Técnica Superior ETH de Zurique indicaram que, com uma velocidade de lançamento de até 85 m/s (306 km/h), o disco alcança uma altitude de 50 a 70 metros e uma distância de até 330 metros.

Um jogo de aposta

Na origem do golfe da fazenda, o time perdedor tinha que pagar o Zvieri (lanche) que os jogadores tomavam após o jogo. Hoje, em vez disso são feitas apostas sobre o resultado do jogo, sendo que o valor das apostas varia normalmente entre 50 e 100 francos suíços por jogo. Também são feitas apostas em jogos puramente amistosos, que são por esta razão chamados de jogos de aposta. Os jogadores individuais de força similar também têm o hábito de apostar uma cerveja sobre os pontos obtidos.

História

Nos primórdios do golfe da fazenda, o jogo era jogado principalmente por camponeses jovens e solteiros. Eles se reuniam no final do verão/outono para jogar contra os camponeses de outras aldeias nos campos já colhidos. Conta-se que estes eventos serviam, por um lado, para medir as forças entre os jogadores, mas também para resolver conflitos entre as aldeias. Apesar de tentativas de mediação através do jogo, conta-se que muitas vezes houve brigas ferozes após o golfe da fazenda. Primeiros registros escritos sobre o golfe da fazenda foram encontrados em livros eclesiásticos dos séculos XVI e XVII. O primeiro golfe da fazenda com aposta conhecido foi realizado em 1655 em Trub. No final do século XIX, a criação de uniões e a regulamentação se estabeleceram também no golfe da fazenda. Em 1902, foi fundada a associação nacional (Eidgenössischer Hornusserverband). A associação nacional suíça e suas subsidiárias regionais organizam o campeonato das diferentes divisões, a Eidgenössisches Hornusserfest (Festa de Golfe da Fazenda da Confederação Suíça), que se realiza a cada três anos, o golfe da fazenda na Eidgenössisches Schwing- und Älplerfest (Festa de Luta Suíça e Jogos Alpinos) e outras festividades.

Atualidade

O golfe da fazenda é jogado principalmente nos cantões do platô suíço de Berna, Soleura e Argóvia. Até os dias de hoje, o golfe da fazenda continua a desfrutar de grande sucesso apesar de haver imensa oferta das mais diversas modalidades esportivas. A federação explica este sucesso também pela ligação estreita de elementos esportivos e tradicionais. Em 2011, havia aproximadamente 270 grupos de golfe da fazenda com cerca de 8.300 jogadoras e jogadores, que estão organizados em quatro associações de cooperação e sociedades e também reunidos na federação nacional.
Fonte

www.ehv.ch www.lebendige-traditionen.ch

Selecione uma visão diferente para os seus resultados: