Lucerna

Lucerna, situada ao Lago Lucerna e considerada a porta de entrada para a Suíça central, encontra-se inserida num impressionante panorama de montanhas. Graças a suas atrações, suas lojas de souvenir e de relógios, a atmosfera das margens de seu lago e as montanhas próximas do Rigi, Pilatus e... mais

Chillon

O Museu Nacional Suíço

Aqui, cultura e transporte público entram em contato. O Museu Nacional abriga o acervo mais completo da Suíça de artefatos relacionados à sua... mais

O Museu Nacional Suíço
Rigi

Rigi

A vista panorâmica proporcionada desde o cume do Rigi é de tirar o fôlego. Ela cruza os Alpes, estendendo-se por 13 lagos e além, alcançando toda a... mais

Lucerna

Lucerna, situada ao Lago Lucerna e considerada a porta de entrada para a Suíça central, encontra-se inserida num impressionante panorama de montanhas. Graças a suas atrações, suas lojas de souvenir e de relógios, a atmosfera das margens de seu lago e as montanhas próximas do Rigi, Pilatus e Stanserhorn, a cidade é o destino perfeito de muitos grupos de turismo e turistas individuais percorrendo a Suíça central.

Lucerna, situada ao Lago Lucerna e considerada a porta de entrada para a Suíça central, encontra-se inserida num impressionante panorama de montanhas. Graças a suas atrações, suas lojas de souvenir e de relógios, a atmosfera das margens de seu lago e as montanhas próximas do Rigi, Pilatus e Stanserhorn, a cidade é o destino perfeito de muitos grupos de turismo e turistas individuais percorrendo a Suíça central.

O Museu Nacional Suíço

Aqui, cultura e transporte público entram em contato. O Museu Nacional abriga o acervo mais completo da Suíça de artefatos relacionados à sua herança cultural. A construção, de mais 100 anos, é uma reminiscência de um castelo de conto de fadas. Em 1º de agosto, novas exposições permanentes serão abertas em ambos os pisos. O piso superior guarda uma exposição exaustiva sobre a história da Suíça, enquanto uma série de coleções está em exposição no térreo.

O Museu Nacional abriga a maior coleção histórica e cultural do país. Atrás de suas paredes centenárias, a história ganha vida enquanto os visitantes conhecem a maneira de viver, pensar e sentir das gerações anteriores.

Rigi

A vista panorâmica proporcionada desde o cume do Rigi é de tirar o fôlego. Ela cruza os Alpes, estendendo-se por 13 lagos e além, alcançando toda a Mittelland suíça, chegando até a França e Alemanha.

A vista panorâmica proporcionada desde o cume do Rigi é de tirar o fôlego. Ela cruza os Alpes, estendendo-se por 13 lagos e além, alcançando toda a Mittelland suíça, chegando até a França e Alemanha. As duas ferrovias de cremalheira de Vitznau (o primeiro trem de cremalheira da Europa, 1871) e Goldau, bem como o teleférico panorâmico de Weggis tornam a chegada à montanha em uma experiência inesquecível.