Gruyères – O Castelo e a Pequena Cidade

Gruyères – O Castelo e a Pequena Cidade

Essa cidadezinha medieval tem uma beleza de cartão postal. Ela encontra-se numa pequena colina, com um castelo e três museus totalmente diferentes: em Gruyères, 800 anos de cultura e história regional convivem, ao mesmo tempo, com alienígenas premiados com o Oscar e esculturas budistas.mais

Casa Cailler – Fábrica de chocolates

Casa Cailler –...

Cailler, a mais antiga fábrica de chocolate da Suíça, vem produzindo...mais

Museu de Caixinhas de Música e Autômatos

Museu de...

O relojoeiro Antoine Favre-Salomon, natural de Genebra, inventou um...mais

Gruyères – O Castelo e a Pequena Cidade

Essa cidadezinha medieval tem uma beleza de cartão postal. Ela encontra-se numa pequena colina, com um castelo e três museus totalmente diferentes: em Gruyères, 800 anos de cultura e história regional convivem, ao mesmo tempo, com alienígenas premiados com o Oscar e esculturas budistas.

Essa cidadezinha medieval tem uma beleza de cartão postal. Ela encontra-se numa pequena colina, com um castelo e três museus totalmente diferentes: em Gruyères, 800 anos de cultura e história regional convivem, ao mesmo tempo, com alienígenas premiados com o Oscar e esculturas budistas.

Chocolat Frey centro de visitantes

NOVO: Poème Frey, a fascinação do chocolate.

Casa Cailler – Fábrica de chocolates

Cailler, a mais antiga fábrica de chocolate da Suíça, vem produzindo chocolates finos desde 1819. Um passeio impecável pelo “Espaço Cailler da Suíça” vai levá-lo ao mundo do chocolate, numa experiência dos sentidos, com fragrâncias, sons e imagens. Claro, você também vai ter que usar o sentido do paladar!

A visita guiada dos visitantes baseia-se na identidade da Cailler da Suíça e promete uma experiência variada. Sensível, sensual e poética: é desta forma que o mundo da marca de chocolates se apresenta, em uma estética plena de brilho e efeitos de luz.

Museu de Caixinhas de Música e Autômatos

O relojoeiro Antoine Favre-Salomon, natural de Genebra, inventou um relógio de bolso musical em 1796. Desde então, ele é considerado o inventor da caixinha de música, e Sainte-Croix tornou-se a capital mundial da música mecânica. Autômatos musicais são produzidos aqui até hoje.

O relojoeiro Antoine Favre-Salomon, natural de Genebra, inventou um relógio de bolso musical em 1796. Desde então, ele é considerado o inventor da caixinha de música, e Sainte-Croix tornou-se a capital mundial da música mecânica. Autômatos musicais são produzidos aqui até hoje.