Cidades

30 Resultados encontrado

30 Resultados encontrado
30 Resultados encontrado
  • La Chaux-de-Fonds

    La Chaux-de-Fonds, local de nascimento de Le Corbusier, foi a capital mundial da indústria de relojoaria por mais de uma centena de anos. Assim, faz sentido que a primeira casa projetada pelo arquiteto mundialmente famoso, bem como o Museu Internacional de Relógios, estejam localizados aqui.
    Mais informações sobre: + La Chaux-de-Fonds
  • Zurique

    Em sua posição de "metrópole de experiências" à margem d'água, com uma magnífica vista para os Alpes cobertos de neve no horizonte, Zurique oferece uma mistura única de atrações – mais de 50 museus e mais de 100 galerias de arte, grifes internacionais e designs da própria Zurique, e a vida noturna mais animada e extravagante da Suíça.
    Mais informações sobre: + Zurique
  • Genebra

    Encravada entre os picos alpinos das proximidades e o terreno montanhoso do Jura, a cidade francófona de Genebra situa-se na baía onde o Ródano se despede do Lago Genebra. Com tradição humanitária e atmosfera cosmopolita, a sede europeia da ONU e o quartel general da Cruz Vermelha é conhecido como a "capital da paz".
    Mais informações sobre: + Genebra
  • St. Gallen

    A compacta metrópole do leste suíço, situada entre o Lago Constança e a Appenzellerland possui um charmosíssimo centro histórico, fechado ao trânsito de automóveis. Sacadas envidraçadas pintadas com grande brilho são característica da cidade. O pátio da abadia, incluindo a catedral e a biblioteca da abadia, entraram para a lista de Patrimônios da Humanidade da UNESCO. St.Gallen é mundialmente conhecida por seus bordados.
    Mais informações sobre: + St. Gallen
  • Basileia

    Com 40 museus, a cidade cultural feita para os apreciadores das artes oferece a maior densidade de museus do país. Além disso, a Basileia possui uma bela cidade antiga, arquitetura moderna e o Reno, que convida a descansar.
    Mais informações sobre: + Basileia
  • Luzern

    Lucerna, situada ao Lago Lucerna e considerada a porta de entrada para a Suíça central, encontra-se inserida num impressionante panorama de montanhas. Graças a suas atrações, suas lojas de souvenir e de relógios, a atmosfera das margens de seu lago e as montanhas próximas do Rigi, Pilatus e Stanserhorn, a cidade é o destino perfeito de muitos grupos de turismo e turistas individuais percorrendo a Suíça central.
    Mais informações sobre: + Luzern
  • Schaffhausen

    Pairando sobre o centro histórico medieval de Schaffhausen encontra-se a imponente fortaleza de Munot. As casas do centro histórico são ricamente decoradas com sacadas envidraçadas e fachadas profusamente pintadas. A cidade, rodeada por vinhedos e localizada no Reno Superior, entre a Floresta Negra e o Lago Constança, é um popular destino de férias e viagens com um dia de duração.
    Mais informações sobre: + Schaffhausen
  • Locarno

    Charme latino, a famosa Piazza Grande, 2.300 horas de sol por ano e uma igreja estabelecida após uma aparição da Virgem Maria – esta é Locarno, a cidade com clima mais ameno da Suíça. Ela está localizada na margem norte do Lago Maggiore.
    Mais informações sobre: + Locarno
  • Baden

    A cidadezinha de Baden possui as águas termais mais ricas em minerais de toda a Suíça. Mas são também suas possibilidades culturais, bem como suas áreas e edifícios reconstruídos, datados da época de seu apogeu industrial, que contribuem para o apelo desta pequena cidade situada na porta de entrada para Zurique.
    Mais informações sobre: + Baden
  • Solothurn

    Solothurn é considerada como a cidade barroca mais fina da Suíça, onde a grandeza italiana é combinada com o charme francês e a praticidade alemã. "A cidade do embaixador", como é chamada, situa-se no extremo sul do Jura, passando ao largo do rio Aare, a cerca de 30 km leste de Biel/Bienne.
    Mais informações sobre: + Solothurn
  • Lausanne

    Lausanne, a segunda maior cidade às margens do Lago Genebra, é a combinação de uma dinâmica cidade comercial com um ótimo local para um resort de férias. A capital do cantão de Vaud é também uma animada cidade universitária e de eventos. Esporte e cultura têm grande destaque nesta capital olímpica.
    Mais informações sobre: + Lausanne
  • Winterthur

    Winterthur é um baú do tesouro, rico em arte, história e natureza. A sexta maior cidade da Suíça ostenta um acervo de arte de renome mundial. Outros museus e monumentos, um animado centro histórico, um cenário ativo de música e comédia, assim como extensos parques e jardins públicos dão a Winterthur, essa cidade pequena o suficiente para promover o fácil deslocamento, o ar de cidade grande.
    Mais informações sobre: + Winterthur
  • Montreux

    A cidade de Montreux encontra-se abrigada numa baía protegida do Lago de Genebra, rodeada por vinhedos e emoldurada pelo pano de fundo deslumbrante dos Alpes, brancos de neve. Especialmente famoso, o Festival de Jazz de Montreux acontece em junho/julho e traz shows em vários palcos e parques diferentes.
    Mais informações sobre: + Montreux
  • Bellinzona

    Bellinzona (Bellenz em alemão) fica estrategicamente posicionada onde o vale se estreita na entrada sul, levando aos passos alpinos de São Gotardo, São Bernardino e Lucomagno, sendo provavelmente a cidade mais italiana da Suíça. A linha do horizonte da capital do Ticino é composta por três dos mais bem-preservados castelos medievais da Suíça, todos figurando como Patrimônio da Humanidade da UNESCO.
    Mais informações sobre: + Bellinzona
  • Chur

    A cidade mais antiga da Suíça não ficou de modo algum presa ao passado. Eventos culturais, bares, discotecas, museus, shopping centers, lojas e butiques animam a capital dos Grisões. Os visitantes que desejarem conhecer seu Centro Histórico pode agendar uma visita guiada.
    Mais informações sobre: + Chur
  • Zug

    A cidade de Zug, bastante conhecida por seus elevados impostos e por ser a sede de inúmeras empresas, foi fundada pele dinastia Kyburg. A Torre Zyt é o marco da cidade, oferecendo uma vista magnífica para a parte antiga da cidade, à Montanha Zug e ao Lago Zug.
    Mais informações sobre: + Zug
  • Neuchâtel

    Neuchâtel, chamada de Neuenburg em alemão, possui um rico passado cultural e arquitetônico. O Castelo e a Igreja Colegiada (construída em estilo gótico na Idade Média como Igreja Reformada), ambos vistos à distância, são marcos da cidade.
    Mais informações sobre: + Neuchâtel
  • Berna

    Poucas cidades conseguiram manter suas características históricas tão bem preservadas como Berna, a capital da Suíça. O centro histórico de Berna entrou para a lista de Patrimônios da Humanidade da UNESCO, e graças aos seus 6 km de arcadas – os moradores do local referem-se a elas como "Lauben" –, a cidade ostenta os mais longos calçadões de compras cobertos da Europa. O Zentrum Paul Klee abriga a mais completa coleção de obras deste artista.
    Mais informações sobre: + Berna
  • Lugano

    Lugano – a maior cidade da região de férias do Ticino é não apenas o terceiro mais importante centro financeiro, bancário, de negócios e conferências da Suíça, mas também uma cidade de parques e flores, casas de veraneio e edifícios sagrados. Dona de um sabor mediterrânico, Lugano oferece todas as vantagens de uma cidade de classe mundial, combinadas com o charme de cidade pequena. Graças a seu clima ameno, Lugano é um popular destino turístico durante a primavera, quando as camélias estão em flor.
    Mais informações sobre: + Lugano
  • Fribourg

    Tomar um café tranqüilamente e admirar as fachadas antigas e os belos chafarizes, ouvir dois idiomas locais ou apreciar o panorama do pináculo de 74 metros de altura da Catedral, com uma vista até longe, no campo – estas são algumas das experiências proporcionadas por Friburgo.
    Mais informações sobre: + Fribourg
  • Thun

    A cidade de Thun, situada na extremidade inferior do lago Thun, é o portão para o Oberland bernês. O marcante centro histórico situa-se a cerca de um quilômetro da margem do lago, no rio Aare. O castelo existente no núcleo do centro histórico remonta ao século XII, ostentando ainda um museu.
    Mais informações sobre: + Thun
  • Aarau

    Aarau, capital do cantão de Argóvia, no Mittelland Suíço, fica localizada às margens do Rio Aare, a quem devem seu nome a cidade e o próprio cantão. Seu encantador centro histórico possui os mais lindos beirais da Suíça – os chamados "Dachhimmel". Os habitantes de Aarau celebram seus próprios festivais e costumes antigos, como o "Maienzug" e o "Bachfischet".
    Mais informações sobre: + Aarau
  • Brig

    A cidade de Brig, com sua área histórica, e o Palácio Stockalper situam-se no ensolarado Alto Valais, ao sopé do Passo Simplon. Situado num importante cruzamento, Brig é o ponto de partida ideal para excursões. A cidade situa-se próxima a regiões de caminhadas e esqui no Lötschberg e Simplon, e na Aletsch. Ela possui também suas próprias termas, tornando-se um atraente resort turístico.
    Mais informações sobre: + Brig
  • Rapperswil-Jona

    Rapperswil, a cidade das rosas localizada na extremidade superior do Lago de Zurique – e o distrito vizinho de Jona, famoso por suas opções de esporte e lazer –, combinam atrações turísticas, vida cultural, caminhadas e esportes em uma atmosfera de férias mediterrânea. Bem-vindo à riviera do Lago de Zurique!
    Mais informações sobre: + Rapperswil-Jona
  • Olten

    The small town of Olten lies between Solothurn and Aarau at the southern foot of the Jura on the river Aare. Thanks to its central location in the Swiss Mittelland, the town is a popular venue for conventions and meetings. The unspoiled nature of the nearby Jura heights however also makes the area an attractive leisure region.
    Mais informações sobre: + Olten
  • Frauenfeld

    Frauenfeld, the capital of Canton Thurgau, is a lively small town. A striking eye-catcher is the castle in the charming old town. The wonderful surroundings are ideal for excursions, hiking and bicycle tours.
    Mais informações sobre: + Frauenfeld
  • Martigny

    A pequena cidade de Martigny, situada na confluência do Ródano com o Drance, no Baixo Valais, é o eixo das rotas dos passos que atravessam o Simplon, o Grand St. Bernard e Forclaz. O patrimônio cultural proveniente dos períodos celta e romano, bem como seu charme mediterrâneo e sua saborosa gastronomia, são algumas de suas indefectíveis características.
    Mais informações sobre: + Martigny
  • Biel / Bienne

    A cidade de Biel, metrópole da relojoaria suíça, encontra-se na extremidade oriental do Lago Biel, ao sopé do Jura, na encantadora Região do Lago. O charme de seu bilinguismo, a preservação intacta de seu centro histórico e sua localização como porta de entrada para os três lagos periféricos do Jura (Lagos Biel, Neuchâtel e Murten) fazem da cidade um atraente ponto de partida e também um ótimo destino de passeios.
    Mais informações sobre: + Biel / Bienne
  • Sion

    Sion (ou Sitten), a capital do Cantão do Valais, é a mais ensolarada cidade da Suíça e um renomado centro vinícola. Graças a sua localização central, esta pequena cidade de rica cultura é também o ponto de partida ideal para explorar destinos de verão e inverno nos vales transversais que se encontram nas proximidades.
    Mais informações sobre: + Sion
  • Morges

    Morges, a pequena cidade à beira do Lago de Genebra, próximo a Lausanne, reúne museus e pontos turísticos interessantes, além de uma série de passeios em suas imediações. Os vinhedos de La Côte merecem atenção especial, assim como os vilarejos de Rolle, Aubonne, Vufflens-le-Château, St. Prex, St. Sulpice e suas igrejas românicas.
    Mais informações sobre: + Morges